quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

UM DIA DE NEVE



Está tudo branco lá fora quando o Pedro acorda e ele sai à rua para brincar. Descobre as pegadas que deixam os seus pés no chão e como é divertido escorregar ou fazer desenhos na neve. Um dia de neve guarda muitas emoções e aventuras!

Autor: Ezra Jack Keats  
Edição: Orfeu Negro

Já nas livrarias!

domingo, 4 de fevereiro de 2018

UM CAPUCHINHO VERMELHO de Marjolaine Leray

Capuchinhos vermelhos há muitos, mas este é um capuchinho destemido e não vai deixar-se engolir pelo maldito lobo!

Com ilustrações de traço minimal, Marjolaine Leray recria este conto tradicional de forma inesperada e acrescenta-lhe um humor muito especial que irá deliciar miúdos e graúdos. 


Autor: Marjolaine Leray
Edição: Orfeu Negro

Já nas livrarias!

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

"O REGRESSO DA BALEIA" de Benji Davies

No Verão, o Noé salvou uma baleia na praia. Agora chegou o Inverno, e o barco do pai ainda não regressou do mar. Conseguirá o Noé encontrá-lo sem a ajuda da sua amiga baleia?

Depois do êxito de A Baleia, Benji Davies traz-nos mais uma história ternurenta sobre a amizade e a coragem. No Verão, o Noé salvou uma baleia na praia. Agora chegou o Inverno, e o barco do pai ainda não regressou do mar. Conseguirá o Noé encontrá-lo sem a ajuda da sua amiga baleia?


Autor: Benji Davies
Edição: Orfeu Negro

É uma novidade da Orfeu Mini e estará nas livrarias em fevereiro!

"A Pipa joga às escondidas" - livro-puzzle

"Está um lindo dia de sol e a pequena foca Pipa e a mamã resolvem dar um passeio.
-Não te afastes muito de mim! - avisa a mamã.
Mas a Pipa é muito impaciente e começa a deslizar, veloz, sobre o gelo frio.(...)"

Quem não gosta de jogas às escondidas?
A Pipa é uma foca marota e resolve brincar às escondidas com a mamã, mas uma grande surpresa aguarda-a!

É um livro interativo, com ilustrações coloridas, história ternurenta e puzzles para resolver, perfeito para as primeiras leituras. É uma coleção, em que cada livro traz cinco puzzles com nove peças, perfeito para um dia recheado de animação.
Coleção "O meu primeiro Livro-Puzzle"
Edição: Booksmile

sábado, 27 de janeiro de 2018

"AFINAL... O GATO?"

Espectáculo de promoção da leitura para bebés, com poesia de Fernando Pessoa, música de Joaquim Coelho e ilustração de Mafalda Milhões.
“Gato que brincas na rua como se fosse na cama” É ​a ​partir daqui que tudo começa.
Mas afinal onde está gato? Dentro do sapato? Dentro do poema? Dentro do livro? Dentro de nós?
Vamos jogar com ele às escondidas? Vamos? 

Vamos brincar com os sons, com as palavras, com as sensações, com o impossível, com o que não há?
Será que no final vamos saber onde está e quem é o gato?
“A nossa imaginação do impossível não é porventura própria, pois já vi gatos olhar para a lua, e não sei se não a quereriam.”Fernando Pessoa (Livro do Desassossego)


Sábado, 3 de Fevereiro às 16:00
Templo da Poesia - Parque dos Poetas - Oeiras
Evento criado por Andante Associação Artística
Lotação limitada a 20 crianças e pais.
Inscrições: joao.meneses@cm-oeiras.pt

quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

Adriana contassim contatão com música e coração

Sessão de contos com Adriana Dihl.
Adriana Dihl, educadora, animadora e narradora de histórias oferece-nos uma hora de brincadeira, em que as músicas e os jogos se juntam às histórias.
Bilheteira
3 euro / criança
4 euros / adulto
12 euros / 2 adultos+ 2 crianças

reserva de bilhetes por email ( info@saltafolhinhas.pt ) ou telefone ( 226092214 )


Salta Folhinhas Livraria Infantil
Rua António Patrício nº50
Porto

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

"À Descoberta dos Sons" para educadores e pais.

Ao contrário da leitura e da escrita, que se aprende conscientemente, a fala é um processo natural e espontâneo.No entanto, com o crescimento, a criança pode vir a ter alguns problemas na evolução da fala. Com ilustrações apelativas, À Descoberta dos Sons, da terapeuta Joana Rombert, vai ajudar no desenvolvimento da fala, da leitura e da escrita de uma forma muito divertida para os mais pequenos.
Jogos e atividades pensados para serem feitos entre pais e filhos, ou educadores e crianças, de forma lúdica e divertida.

Nas livrarias a partir de 22 de janeiro!

"Pequeno poema"de Sebastião da Gama

Pequeno Poema

Quando eu nasci,
ficou tudo como estava.

Nem homens cortaram veias,
nem o Sol escureceu,
nem houve estrelas a mais...
Somente,
esquecida das dores,
a minha Mãe sorriu e agradeceu.
Quando eu nasci,
não houve nada de novo
senão eu.
As nuvens não se espantaram,
não enlouqueceu ninguém...
Pra que o dia fosse enorme,
bastava
toda a ternura que olhava
nos olhos de minha Mãe...

Sebastião da Gama, in "Antologia Poética"

sábado, 13 de janeiro de 2018

"La Casa del Viento" - "A Casa do Vento" - edição bilingue

"Nunca voy a olvidar la primera vez que escuché a mi primo, el Tatú Carreta, hablar sobre La Casa del Viento.
Era una noche de tormenta y los relámpagos iluminaban el cielo. Yo estaba acurracado junto a mis padres, sintiendo el olor a tierra dentro de la cueva.
Estaban llegando los Tiempos Tristes,  aunque aún no lo sabíamos.
Me parece importante  aclarar que soy un Tatú Mulita (...)
Crecí en el Monte Chaqueño, junto al río Bermejo, y desde pequeño me divertía espiando por la ventana de la escuela a la que assistían los pichones de hombre.
La señorita Amanda, que era más dulce que las semillas del algarrobo, enseñaba las palabras a los niños y, sin que ella lo supiera, también me enseño a leer. (...)"

"Nunca vou esquecer daquele dia quando escutei, pela primeira vez, meu primo, o Tatu Carreta, falando da Casa do Vento.
Era uma noite de tempestade e os relâmpagos iluminavam o céu. Eu estava encolhidinho junto com meus pais na nossa toca e sentia o cheiro a terra molhada.
Os tempos tristes estavam chegando, mesmo que a gente não soubesse.
Acho que é importante dizer que sou um Tatu-mulita (...)
Eu cresci no Monte Chaqueño, na beira do rio Bermejo, e desde pequeninho me divertia, espiando pela janela da escola os filhotes de homens que iam estudar ali.
A tia Amanda, que era a melhor pessoa que eu já conheci, ensinava as palavras para a meninada, E, sem saber, também me ensinou a ler.(...)"

Texto: Alicia Barberis
Ilustração: Jorge Cuello
Edição: Comunicarte

Este livro teve a atribuição do Primeiro Premio do "6º Concurso de Cuentos Infantiles Los Niños del Mercosur" e recebemos de presente de nossa amiga argentina Magdalena. Obrigada!Gracias!

"Um Conto de Fado Padrinho" - musical infantil com Direção Musical de Marcello Sader



É uma adaptação do  livro da atriz e escritora Danielle Fritzen, o espetáculo tem a apresentação de Ziraldo e, ganha vida nos palcos com muitas cores, humor, música popular brasileira e músicas autorais, numa alegria contagiante que encanta adultos e crianças. A história de uma inusitada trajetória de um Fado Padrinho, primo da Fada Madrinha, que vai de Portugal para o Brasil escolher uma Princesa Brasileira. Em cena, os atores vão-se transformando e dando vida aos personagens de forma lúdica, com muita música brasileira, ao vivo e bom humor. Contada e cantada por uma trupe de nove amigos que anda pelas regiões do país, proporciona alegria e encantamento ao apresentar a diversidade e riqueza da cultura brasileira. Espetáculo vencedor do prêmio Zilka Salaberry de Teatro Infantil 2017.

Espetáulo com imenso sucesso, estréia em São Paulo, com apresentações nos dias 13  e 14 de Janeiro, pelas 17horas.



Teatro Dr. Botica - Shopping Metrô Tatuapé
Rua Domingos Agostim, 91 (Tatuapé)
S. Paulo - Brasil

domingo, 31 de dezembro de 2017

"Szukam i liczę. Nasze zwierzęta"


Mesmo, mesmo a terminar o ano, aproveitamos para conhecer em Cracóvia um pouco da literatura infantil polaca. E, entre vários livros adquiridos, destacamos este álbum ilustrado que despertou a nossa atenção, por ser simultâneamente pedagógico e divertido. Trata-se de um projeto coletivo, envolvendo várias autoras: Anna Gensler, Katarzyna Sarna e Joanna Liszewska, numa edição da Wilga, Polónia. É um álbum com páginas coloridas cheias de animais para encontrar e contar. Em cada página, as crianças devem primeiro encontrar os elementos indicados na margem e depois descobrir o elemento estranho, uma lagarta colorida que se encontra na página.


"Zajrzyj pod puzzle i odkrywaj świat! 
Cudownie kolorowe, wieloelementowe plansze, na których jest mnóstwo zwierząt, postaci, pojazdów i innych rzeczy do odnalezienia i policzenia. Na każdej stronie dzieci muszą znaleźć wskazane na marginesie elementy, a potem jeszcze wypatrzeć w książce kolorową gąsieniczkę. 
Dzięki temu maluchy rozwijają zdolność obserwacji, wzbogacają słownictwo i ćwiczą wzrok, a przy tym dobrze się bawią."

Um álbum quebra-cabeça para descobrir o mundo, FELIZ ANO NOVO!

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

FELIZ NATAL

Joyeux Noel...
Feliz Navidad...
Merry Christmas...
God Jul...
Bon Nadal... 
  Fröhliche Weihnachten...
 A todos um FELIZ NATAL!...

sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

"A Verdadeira História do Pai Natal"


"O Pai Natal existe mesmo? O pai da Aninha sabia que, mais cedo ou mais tarde, seria chamado a enfrentar este grande dilema que aflige todos os pais: como contar a verdade sem desiludir a filha? 

 - Já sei! - exclamou a Aninha - Quando ele ficou velhinho, tornou-se no Pai Natal!
 O Pedro riu-se e corrigiu a filha: 
- Não, meu amor, mas é quase isso. Já chego ao Pai Natal, espera um pouco!
- Tá bem!

Como estava a dizer, Jesus foi um homem tão bom, tão bom, mas TÃO bom, que as pessoas nunca mais se esqueceram dele. E resolveram fazer uma festa para celebrar o seu aniversário! O Natal é o dia em que se comemora o dia em que Jesus nasceu!

Mas, e o Pai Natal?

Texto: Alexandre Santos Lobão
Ilustração: Rachel Caiano
Edição: Livros Horizonte

Uma história de rara delicadeza, em que se revela aos mais novos a «verdade» sobre o velhinho de barba branca mais simpático do mundo, sem perder a magia do Natal..."

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

"Uma letra, Mil palavras" reedição

reedição do livro

Chegou convite para o lançamento do livro "Uma letra, Mil palavras" de Manuela Ribeiro e Carlos Rocha. Será no dia 9 de dezembro, pelas 18h30, na livraria Arquivo-Leiria, com apresentação  de Carlos Alberto Silva.

Livraria Arquivo
Av. Combatentes da Grande Guerra 53
Leiria - Portugal

A não perder!

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Apresentação do livro da escritora Neuza Feijó em Matosinhos

"Era uma vez uma menina que morava em Santa Maria Madalena e tinha muita vontade de saber a história da sua família.(...)
Assim começa a história da escritora Neuza Feijó, que hoje apresentou o livro "Saber não sei, mas posso ajudar", no CRE da EB 2/3 Maria Manuela de Sá, em S. Mamede de Infesta, Matosinhos. E mesmo a acabar,"todos festejaram... aquela grande festança, sem tempo para terminar. E quando alguém perguntou... todos gritaram bem alto:
- Saber não sei,
  mas posso te ajudar!" 

Ah!... e também a Catarina prometeu escrever a história da sua bisavó e construir a árvore genealógica da família.

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

"Saber não sei, mas posso te ajudar!" - Neuza Feijó

Neuza Feijó* está em Portugal a apresentar o livro infantil "Saber não sei, mas posso te ajudar!", com texto de Neuza Feijó e ilustração de Vitor Hara. As sessões de apresentação serão na  Curia, Oliveira de Azeméis e Matosinhos - Porto, entre os dias 16 e 22 de novembro, acompanhadas por mesas redondas, debates e outras propostas para o público infantil.
Um livro que aborda a imigração, os antepassados, a genealogia, o respeito pelos hábitos e costumes dos outros, o direito à diferença, mas essencialmente a afetividade e a generosidade das pessoas.

Texto: Neuza Feijó
Ilustração: Vitor Hara
Edição: Muiriquitá

*Neuza Feijó - professora, pedagoga e especialista em literatura infantil.

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Um Fantasminha no Jardim - novidade!

Aparentemente, aquele era um jardim vulgar com belas plantas, animais simpáticos e espaços convidativos à brincadeira dos meninos. No entanto, a presença de uma fada e os passeios ocasionais de um fantasminha tornavam-no bastante especial.
A história vale por si própria, mas, na sua simplicidade, deixa pistas para se refletir com as crianças sobre eventuais medos infundados.

Texto: Manuela Castro Neves 
Ilustração: Maria Bouza 
Edição: Máquina de Voar 

Depois de Cinco Pais Natais e Tudo o Mais, também editado pela Máquina de Voar, Manuela Castro Neves e Maria Bouza apresentam uma narrativa rimada sobre um Fantasminha com alguma magia ao gosto dos mais novos.

Já nas livrarias!

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

A minha mãe

A minha mãe tem o coração entre o sol e a noite.
Jardim, raposa, loba enroscada, protectora e guerreira, esta mulher misteriosa e fascinante é desenhada pela criança que a olha e a descreve.
A poesia das palavras prolonga-se nos impressionantes quadros de Emmanuelle Houdart e toca-nos a ternura desta relação entre mãe e filha, cujos laços não se desfazem no tempo.




Um álbum de grande formato, pleno de força e beleza, e também um cântico de amor a todas as mães.

Texto: Stéphane Servant
Ilustração: Emmanuelle Houdart

Edição: Orfeu Negro 

DISPONÍVEL na BAOBÁ livraria e em breve nas livrarias de todo o país.

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

"O sexto sentido"



Já senti dentro de mim coisas que são difíceis de explicar.
A ti também aconteceu?
Se assim for, sebes do que estou a falar.
Podemos entender-nos sem palavras, mas muitas vezes
precisamos delas para explicar o que sentimos.
É o que vou fazer agora.Tenho cinco sentidos que me ajudam 
a experimentar com o corpo
o que acontece à minha volta.
São a visão, a audição, o olfato, o gosto e o tato.
(...)
O sexto sentido tem um ouvido 
tão fino que por vezes me faz calar
para escutar o silêncio,
para descobrir como respira uma onda
ou sentir a voz do vento
no cimo de uma montanha."


Booktrailer do livro "O sexto sentido"

Texto: Laia Ahumada
Ilustração: Mercè López
Edição: Pequena Fragmenta

Para além dos cinco sentidos, devo ter outro que não se vê nem se sente, não tem cheiro nem sabor e que também não se pode tocar:
o sexto sentido!

domingo, 29 de outubro de 2017

"Esconder-se num Canto do Mundo" - Jimmy Liao

"Para aqueles que têm a sensação de que o mundo não funciona, há um canto onde se podem esconder e aí encontrar a tranquilidade e o silêncio em forma de notas de música. "Esconder-se num Canto do Mundo" é mais uma proposta de Jimmy Liao que toca de forma sensível tanto a beleza como a tristeza da vida. As suas aguarelas suaves mas intensas carregam os elementos surrealistas e oníricos tão característicos deste autor, envolvendo o leitor numa trama com a qual dificilmente não se sentirá identificado. «Está bem! Está bem! Não estou a dizer que não gosto desta família! E também não estou a dizer que vos odeio, malta! É que às vezes gostava que me deixassem em paz… Não vos vou abandonar, mas também tenho coisas para fazer! Não sou nenhuma ave rara, e há muita gente assim. E é isto: gostávamos todos de nos esconder num canto do mundo!»"

Autor: Jimmy Liao
Edição: Kalandraka

 Esta semana nas livrarias!